As MAIS 2: eu me mordo de ciúmes

10 de abril de 2013



Patricia Barboza
Editora Verus
Páginas: 141

Sinopse: "Você se considera uma pessoa ciumenta? Algum recado ou comentário nas redes sociais já te deixou com a famosa pulga atrás da orelha? O namorado da Susana ganhou um monte de fãs depois que gravou a música “Dentro do coração”. E ver tantos recados de garotas no perfil dele não é tarefa fácil. Já a Mari ficou bastante incomodada com a nova amiga do Lucas, que vive curtindo e comentando tudo que ele posta. Xiii… Será que isso tudo vai causar muita confusão? Será que a Aninha e a Ingrid também serão mordidas pelo bichinho do ciúme? Nesta história, narrada pela Mari, a M das MAIS, esse sentimento ganhou uma forcinha tecnológica: a internet e as redes sociais. Será que elas se tornaram as grandes vilãs da atualidade? As MAIS 2 é um texto leve e descontraído, assim como a narradora. A Mari, que é amigona, divertida e um tanto atrapalhada, foi mordida pelo bichinho do ciúme. Com certeza você vai se divertir e se enxergar no lugar dela. Embarque na mais nova aventura das MAIS e aproveite para descobrir se você também se morde de ciúmes."

Fiquei feliz e surpresa ao saber que a Paty daria continuação ao livro que tem feito bastante sucesso. Aliás, a partir de agora ao invés de ter um livro contado pelas quatro amigas, cada uma terá seu próprio livro e nesse, contado pela Mari, aborda um tema bem polêmico: ciúmes.

Todo mundo já sentiu ciúmes – de alguma coisa ou alguém - alguma vez na vida. Pode não ser do namorado, mas tem uma lista de opções que incluem pai, mãe, irmãos, amigos, animais de estimação, objetos e por aí vai. A questão é que todo mundo sabe como esse sentimento pode ser ruim e estragar muitas belas histórias. Nossas quatro amigas passam por muita coisa nesse segundo volume e aprenderão muito também. Aposto que você vai dar risadas e se ver em algumas das situações apresentadas no livro. E, para quem acompanha e é fã da série pode esperar por algumas surpresinhas...

Ah, não posso deixar de comentar que achei o Lucas – namorado da Mari – ao menos nesse livro, uma versão de calças da Fani de “Fazendo Meu Filme” da autora Paula Pimenta.

Eu fico feliz de tudo acontecer e dar certo para as meninas do livro, mas muitas vezes me dá aquela sensação de “só em livro mesmo para acontecer tudo isso com as mesmas pessoas em tão pouco tempo” e também não dar nada muito errado ou isso não demorar muito para se resolver. Mas afinal, de problemas já estamos cheios na vida real, pra que mais nos livros também?


Mesmo eu não sendo o público-alvo, aliás tenho lido muitos livros que eu não sou, esse tem grandes chances de atrair pessoas de todas as idades.